Skip to main content
Capa
Nº 309 | 20 Janeiro 2023
Edição nº 309
Ver PDF
Disponível para assinantes
Notícias
Protagonista
Nuno Ribeiro da Silva. O gestor energético que sobreviveu a nove ministros
Nuno Ribeiro da Silva. O gestor energético que sobreviveu a nove ministros
Eu sempre andei nisto… Era um bocadinho um tique de família, porque o meu avó e o meu pai sempre trabalharam na área da energia”. Foi assim que Nuno Ribeiro da Silva descreveu em 2019 o início do seu percurso no sector.
“Não rejeito  a arte feita por Inteligência Artificial”
“Não rejeito a arte feita por Inteligência Artificial”
O fotógrafo e videoartista Nuno Cera lançou-se, em 2019, num projeto de investigação sobre Sines, a cidade onde viveu até aos 21 anos e onde fez a sua primeira aproximação à fotografia. A exposição “Luzes Distantes” é o resultado desse reencontro, feito de fotografias e vídeo, que ilustram os protagonistas por si escolhidos para esta reflexão: a Autoridade Portuária de Sines, a Central da EDP, o Terminal XXI, as refinarias da Galp Energia e da Repsol, a Pedreira, as terras do futuro Data Centre e o EllaLink, em justaposição com paisagens naturais.
5 Sentidos
Um festival que quer pôr  a miudagem a ver e a fazer cinema
Um festival que quer pôr a miudagem a ver e a fazer cinema
O cinema suscita emoções. É mais do que sabido. E se é assim quando somos espetadores, então como será quando estamos envolvidos pessoalmente?
Expressivo  e contemporâneo
Expressivo e contemporâneo
Procurar inspiração nos lugares mais inesperados está no ADN da Roger Dubuis.
Reinventar pessoas e organizações através da tecnologia
Reinventar pessoas e organizações através da tecnologia
Durante dois dias, 25 e 26 de janeiro, o Building The Future vai reunir especialistas nacionais e internacionais – decisores, líderes, profissionais da área tecnológica, investigadores, programadores e empreendedores – com o intuito de promover a partilha de conhecimento sobre como a tecnologia está a redefinir o progresso humano e a forma como interagirmos com a realidade. O evento decorrerá num formato híbrido – presencial para convidados – de acesso exclusivo –, mas no digital a experiência será, pela primeira vez, alargada a todos os cidadãos e organizações.
A visão do futuro a cores
A visão do futuro a cores
O futuro BMW Dee mistura realidade virtual com o sofisticado head-up-display da marca germânica e o resultado é uma visão de um futuro que poderá não ser tão longínquo.
O Douro num roteiro sentimental
O Douro num roteiro sentimental
Roteiro Sentimental: Douro”, das Edições Afrontamento, agrega as histórias e as impressões que Manuel Mendes recolheu, em contacto com as pessoas da região – trabalhadores rurais, pescadores, barqueiros (os que atravessavam o rio de um lado para o outro), marinheiros (os que traziam o vinho do Alto Douro até à Foz), profissionais de vários ofícios e contadores populares de histórias. Para além da paisagem humana, o autor dedica-se também a observar a natureza e, em particular, o tremendo impacto do rio na moldagem da paisagem.
O que se esconde por entre ruínas?
O que se esconde por entre ruínas?
O bichinho parece ter nascido nas viagens de carro que Ricardo Raimundo fazia com a família. Viagens imaginárias?
Ensaio
O que é o direito à habitação?
O que é o direito à habitação?
A Constituição Portuguesa consagra, desde 1976, o direito à habitação, estabelecido no artigo 65.º, segundo o qual “todos têm direito, para si e para a sua família, a uma habitação de dimensão adequada, em condições de higiene e conforto e que preserve a intimidade pessoal e a privacidade familiar.”
Atualidade
Todos os caminhos  vão dar ao Dubai
Todos os caminhos vão dar ao Dubai
Novas atrações, paisagens imponentes, hotéis arrojados e eventos épicos. São muitas as razões que fazem do Dubai um destino a não deixar de visitar em 2023. Da cultura à gastronomia, passando pela arquitetura, é a cidade mais cosmopolita dos Emirados Árabes Unidos e quer ser o destino mais visitado do mundo.
Última
Entre Paris e Manhufe: Amadeo numa nova tela
Entre Paris e Manhufe: Amadeo numa nova tela
Amadeo de Souza-Cardoso, o homem que queria pintar o futuro mas cuja obra acabou engolida pelo silêncio, chega agora ao grande ecrã pela lente do realizador português Vicente Alves do Ó. É a celebração da inquietação e frustração artística, nos cinemas a 26 de janeiro.