Skip to main content
Atualidade
Notícias
Hotéis reinventam-se para evitar o colapso
A enfrentar o pior desafio de que há memória, o setor nacional da hotelaria todos os dias coloca no mercado propostas inovadoras para os turistas internos, no sentido de minorar uma crise que vai demorar anos a sarar. Enquanto não chegam as medidas financeiras de fundo que o setor tem exigido ao Governo, os empresários desmultiplicam-se em iniciativas para captar clientes e tentar evitar mais desemprego e novas falências: promoções, descontos, pagamento de portagens, campanhas especiais, aposta em experiências novas. Tudo se tem tentado nos últimos tempos.
Laura Borràs: Uma candidata independentista que embarcou no rápido Barcelona-Madrid-Barcelona
A escolhida pelo Junts para liderar o governo da Catalunha, arrisca-se a não passar da vice-presidência da Generalitat depois das eleições de 14 de fevereiro. Mas as sondagens indicam que o bloco independentista sairá reforçado e que a ultradireita do Vox terá um grupo parlamentar.
Eduardo Lourenço: Praticamente 100 anos de reflexão
Desde há muito um dos intelectuais mais consensuais, o autor de livros como “O Labirinto da Saudade” distinguia-se pela serenidade com que, vivendo longe do país, pensava Portugal e aquilo que é ser português. Morreu aos 97 anos, no dia da Restauração.
Canábis: Farmacêutica canadiana prepara unidade industrial em Setúbal
Embora a pandemia tenha atrasado o plano de expansão que prevê um investimento de 12 milhões de euros, a Covid-19 também trouxe uma nova oportunidade de negócio à EXMCeuticals: o desenvolvimento de filtros para máscaras e gel desinfetante. Tudo à base de canábis.
Criptomoeda: Bitcoin, a moeda que quer imitar o ouro
Após a ascensão fulgurante seguida de uma espiral de queda em 2017, o valor da bitcoin voltou a disparar este ano mais de 150%. O apetite pelo risco, a entrada de investidores institucionais, a escassez de oferta e a perceção de que poderá tornar-se num ativo de reserva levou o preço para perto de máximos e do patamar 20 mil dólares por cada moeda.
Hossein Dehghan: O militar que pode vir a ser o próximo presidente do Irão
Não se sabe se será da linha dura ou um moderado – isto partindo-se do princípio, em que alguns não acreditam, que não há moderados no Irão. Seja como for, e num quadro em que a república islâmica está no centro de todas as agendas diplomáticas, o Ocidente ganhará em começar a aprender a dizer o seu nome.
Ver mais
Aguarde