Skip to main content
Capa
Nº 257 | 21 Janeiro 2022
Edição nº 257
Ver PDF
Disponível para assinantes
Notícias
Sociedade Recreativa
Um Tartufo em São Bento
Um Tartufo em São Bento
As campanhas eleitorais, sabe-se, são uma sucursal da realidade. Esta volta dentro de momentos, depois de desligada devido por motivos técnicos.
5 Sentidos
Narcissus Fernandesii, flor para apreciar em Vila Viçosa
Narcissus Fernandesii, flor para apreciar em Vila Viçosa
Primeiro, começemos pelo local. A Vila, Viçosa de segundo nome, adjetivo, considerada a ‘Princesa do Alentejo’.
Desportivo e contemporâneo
Desportivo e contemporâneo
Desportivos e contemporâneos. São características típicas da coleção Alpine Eagle da Chopard.
O furacão regressou à estrada
O furacão regressou à estrada
Experimentámos um colosso de três litros diesel turbo capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h nuns estonteantes 5,8 segundos e pior, dos 0 aos 180 km/h são apenas necessários 22 segundos.
De vides centenárias se gerou um vinho sublime
De vides centenárias se gerou um vinho sublime
Foi há cerca de um mês, no início de dezembro, que a distinta produtora vitivinícola do Dão, a Casa da Passarella, centenária, de Lagarinhos, Gouveia, desceu a Lisboa para apresentar as suas novidades no mercado nacional, uma meia dúzia de opções sob diversas chancelas.
Ensaio
A pandemia e a natalidade em Portugal, um desígnio inadiável
A pandemia e a natalidade em Portugal, um desígnio inadiável
Como deve ser timbre de uma genuína democracia sanitária, importa que se enfrente a realidade e se implementem sérias, corajosas e eficazes medidas pró-natalistas entre nós e, bem assim, com apoio, a alguma imigração jovem, qualificada, controlada. E que tal seja debatido amplamente em alargado debate de cidadãos.
Atualidade
“São Tomé e Príncipe precisa de reinventar-se”
“São Tomé e Príncipe precisa de reinventar-se”
Alquimista por defeito e feitio, João Carlos Silva admite que fazer acontecer é um estado de espírito e uma forma de estar.
António Horta Osório, o Ronaldo da banca que incomodou o Credit Suisse
António Horta Osório, o Ronaldo da banca que incomodou o Credit Suisse
Com o avançar da idade e a consolidação de estatuto, o banqueiro foi deixando de ter necessidade de agradar aos outros.