Skip to main content
Capa
Nº 164 | 27 Março 2020
Edição nº 164
Ver PDF
Disponível para assinantes a partir do dia 03 Abr 2020
Notícias
Atualidade
Príncipe Carlos: Eterno herdeiro da coroa britânica juntou-se à lista dos infetados com coronavírus
Príncipe Carlos: Eterno herdeiro da coroa britânica juntou-se à lista dos infetados com coronavírus
O filho mais velho de Isabel II tem apenas sintomas ligeiros da Covid-19 e está a trabalhar a partir da sua residência escocesa. Para o homem que ocupa o primeiro lugar na linha de sucessão do trono há mais de seis décadas, chegou a hora do distanciamento social.
Covid-19: Perda de receitas na aviação civil supera valor do PIB português
Covid-19: Perda de receitas na aviação civil supera valor do PIB português
Em menos de dois meses, a Covid-19 arrasou o transporte aéreo mundial, pondo em risco mais de 2,7 milhões de empregos diretos, bem como 65 milhões de empregos no resto da cadeia de valor do setor. Associação mundial IATA diz que a perda de receitas das empresas está estimada em 233,2 mil milhões de euros se a pandemia durar três meses.
5 Sentidos
Flyback Chronograph: Regresso de um clássico
Flyback Chronograph: Regresso de um clássico
Em resposta aos colecionadores, a Frederique Constant apresenta duas novas opções, ambas com estética bicolor e contadores prateados. É a primeira vez que os contadores e o mostrador são de cores diferentes, o que melhora a legibilidade e dá um carácter mais desportivo.
SÍSIFO, Ensaio sobre a repetição em sessenta saltos: Humor absurdo para devorar
SÍSIFO, Ensaio sobre a repetição em sessenta saltos: Humor absurdo para devorar
O absurdo feito de comédia e tragédia. Sísifo sessenta vezes tenta, sessenta vezes falha.
Kia XCeed: Aprenda como chegar ao top
Kia XCeed: Aprenda como chegar ao top
Levou tempo a percorrer um caminho difícil, mas a Kia está no topo com os lançamentos dos últimos meses.
Ensaio
A mudança da nossa era
A mudança da nossa era
A transição imediata para uma economia digital poderá trazer benefícios a curto prazo, criando maior resiliência financeira para as empresas, e poderá tornar-se definitiva. Isto irá implicar uma transição do mercado de trabalho, que não será isenta de impacte.
Investimento: Quanto tempo demoram  os mercados a recuperar?
Investimento: Quanto tempo demoram os mercados a recuperar?
Apesar de o mundo ter passado por duas grandes guerras mundiais, pela Grande Depressão, pela grande crise financeira de 2008 e por uma série de recessões, tem sido muito mais seguro investir numa coleção diversificada de negócios do que investir em títulos indexados às moedas, como são as obrigações.