Skip to main content
Autor
Luís Tavares Bravo
Economista, DIF Capital
Notícias
Meio século depois, reformar Abril
E eis que se cumpriram esta semana 50 anos sobre o evento de maior simbolismo civilizacional da história recente de Portugal. O 25 de Abril e a maturidade societária adquirida para aquilo que é hoje o nosso país, é um marco de inegável valor acrescentado para todos, que permitiu que Portugal entrasse numa primeira linha dos países mais desenvolvidos no mundo, sobretudo no que diz respeito ao desenvolvimento humano, económico e das aspirações dos indivíduos.
As incertezas políticas de uma primavera económica
Na UE, analistas e observadores acreditam que a atividade pode aumentar ligeiramente no primeiro trimestre de 2024, antes de uma recuperação mais pronunciada nos próximos trimestres
Renovar o contrato social para uma maior coesão e melhor democracia
Urge agir para criar uma proposta de renovação do contrato social europeu, que devolva a esperança nas instituições e providencie respostas para os anseios e ambições de bem-estar dos indivíduos
Os loucos novos anos 20
À medida que entrarmos em 2024, entraremos também num momento de avaliação intermédio das transformações que os anos 20 do século XXI começam a trazer-nos. A conclusão preliminar é a de que estes poderão ser de verdadeira transformação da sociedade global – de certa forma uma nova versão dos “loucos anos 20” do século passado, marcados não só por muitas e rápidas transformações na indústria e na tecnologia, como nos hábitos e padrões da sociedade.
Mobilidade social dinamiza e equilibra nações
Uma economia livre e comunidades fortes honram a dignidade de cada pessoa, recompensando os esforços com justiça, promovendo a mobilidade social ascendente e construindo a solidariedade entre os cidadãos. Paul Ryan, ex-presidente câmara representantes EUA
China, travagem a fundo?
Na realidade, existe uma preocupação generalizada de que as autoridades chinesas estão hoje limitadas nas suas opções para revigorar a economia, dadas as dívidas crescentes
Ver mais
Aguarde